Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Não treinei.

Não treinei. Ficou esta paisagem sem mim e eu sem ela. E como eu precisava dela... Se ela precisava de mim não sei, mas eu...precisava muito dela hoje...

Mas uma coisa é apanhá-la (à paisagem), assim, bela, clara, luminosa e iluminada...outra, é ser noite fechada a correr às apalpadelas e correr o risco de ir contra o moinho por exemplo ou cair no lago!!!

Tanto dinheiro que se gasta e a C.M. de Loures não põe iluminação na porra do Parque Urbano de Santa Iria... é Outono, vem aí o Inverno... e correr onde? Às escuras? A que horas? Para ter luz (do Sol entenda-se!), só se faltar ao trabalho durante o dia....



Não, parece que não é problema de dinheiro, mas é por causa dos aviões que por ali passam... e não fossem confundir o Parque com o Aeroporto... Eu não acredito... Eu acredito que o Parque não tem iluminação porque quem tem o poder de decidir está-se completamente nas tintas para quem corre!

Claro, claro, temos sempre...a estrada!

4 comentários:

João Pedro 22 disse...

Testa as lanternas como na versão das lampas em modo nocturno. hehehe
Eu ainda não ainda usei porque não tenho necessidade.
Agora existe iluminação na zona por onde normalmente ando.
Mas vou testar um dia destes quando for correr em areia para treinar.
Agora só tenho duas escolhas ou está um luar que apetece ficar na praia ou lanterna.
Na corrida nunca usei lanterna. Mesmo nas zonas mais escuras os pés já vão sozinhos.
Eu uso nos treinos de bicicleta para experimentar a luz.
Geralmente não me foco na luz, maioritariamente sempre na respiração.
Mas a respirar se cair ao lago hehehe
O descanso é sempre bom :-)
Queria fazer um edit e apaguei.
Bem bonita a zona do moínho.

S* disse...

Com paisagens dessas, mais vale mesmo sentar na relva e desfrutar.

horticasa disse...

Pois é minha querida estás no mato sem cachorro e pelos vistos sem luz...
Agora a sério é muito chato ter que trabalhar até ser escuro e não ter onde fazer um treininho...
beijinho, paciência

Jorge Branco disse...

Enquanto não há outra solução pode sempre recorrer a um frontal mas não sei se é seguro treinar nesse local de noite!
Eu já treinei muito de frontal (e ainda não estavam na moda nem tinha a tecnologia actual) precisamente por questões do horário laboral.
O engraçado é que nesta pequena Vila onde vivo temos um mini ciclovia (uns 700 metros) com candeeiros! É um "luxo" recente mas da para safar um treino nocturno com o que tive de fazer está semana as 5:30 da matina (não por questões de horário laboral porque ter emprego, ou pelo menos trabalho (!) é coisa que, infelizmente já nem sei o que seja!)