Pesquisar neste blogue

domingo, 22 de abril de 2012

Hoje o treino foi aqui e assim






Hoje o treino foi aqui e assim. E se ontem não corri e não houve drama por isso, já hoje corri 10 Km em 1h00m25s, numa média de 6:04, mas houve drama sim! Queria ter corrido no mínimo 14 Km, mas aos 8 já balia e dei mesmo o treino por terminado aos 10 Km. Porquê? Não sei. Apenas(?) um cansaço físico acompanhado de uma psique fraca e negativa a mandar-me parar, derreada e aniquilada.

Mas correr nas Lezírias é sempre tão bom! Um quilómetro que seja! Terra batida, patos bravos a voar aos pares, garças, pardais e outras aves, libelinhas, borboletas, rãs, cavalos, touros, e sinto-me no paraíso, não fosse um ou outro veiculo a passar de vez em quando.

Os cavalos olham-nos curiosos, relincham, correm ao nosso lado e parecem brincar connosco (devidamente separados por frágeis vedações). Os touros metem respeito, olham-nos igualmente curiosos. Afasto-me para o lado oposto do caminho, o mais afastada possível deles, mas eles acabam por fugir assustados, afastando-se também da cerca. Tão assustados como eu, que adoro estes e outros bichos, mas desde que me sinta suficientemente segura e a salvo.

Corro até à Capela de Alcamé, isolada no meio das Lezírias, avanço mais um pouco para fazer os 7 km, que queria fosse o meio do treino para perfazer os 14. Sinto-me bem. No entanto por volta dos 8 km, um cansaço diante do vento contra apodera-se de mim. Não, não vou desistir, e continuo a correr. Mas não está fácil. Não vou depressa, não tinha exagerado antes e não percebo bem o que se passa. Cada passo mais é uma conquista e só quero dar mais um. Ainda acredito que vou a correr até aos 14, mas depressa esse optimismo me abandona. Mentalmente imponho a meta dos 9 km, penso que será mais fácil pensar assim, depois avançar para os 10, depois 11, depois 12, depois 13 e por fim 14. Tudo em pensamento. Mas não está fácil. A respiração é ofegante, o corpo está demasiado pesado para eu o continuar a fazer mover. Chego aos 9, imponho os 10 como meta, e quando os atinjo (os 10 km), nesse preciso momento desligo o cronómetro. "Dramaticamente" dou o treino por encerrado, a batalha mental perdida, dou-me por vencida, resignada. Depois...depois ora caminho, oro corro, mas cada vez que corro, é cada vez mais doloroso... Que se passa? Não sei! Caminho até ao carro. 14 Km, mas apenas 10 de treino.

Não é esta a mesma rapariga que correu 20 Km há uma semana atrás?! Não a reconheço! É esta rapariga que quer correr uma Meia dia 20 de Maio? Será capaz? Mas quem é esta rapariga que hoje correu nas Lezírias, afinal?

18 comentários:

Luciana disse...

Não sou uma corredora "a sério", mas suponho que seja normal não nos reconhecermos em certos dias. Talvez nem se tenha passado nada de especial, talvez o teu corpo esteja cansado...são muitos talvez que nem sempre têm resposta. Mas tu tentaste! Não ficaste em casa. Foste para a rua e correste o que conseguiste.
Se tivessem soltado o touro, até 28km corrias :)
Uma paisagem como essa, é qualquer coisa!
Beijos

JoaoLima disse...

Hum... cá para mim anda a passar-se qualquer coisa no ar das Lezírias. Já eu na Corrida das Lezírias estive irreconhecível e fartei-me de andar (como tu viste).

Dia 20, a rapariga vai sair-se na perfeição! :)

Sónia Santos disse...

Olá =)
Passei pelo teu cantinho e eis senão quando vejo que o sitio onde foste correr é mesmo ao pé de minha casa. Passo na recta do cabo quase todos os dias e não fazia ideia que se podia ter acesso ás lezirias. Pensei que fosse privado.
Beijinhos =)

Corre como uma menina disse...

Eu concordo com o comentário acima e digo que é do ar das Lezírias! :) Só isso pode justificar as prestações insólitas que por lá se passam... ahah ;)
Mas não foi o teu caso. Penso que será normal estares cansada e o próximo treino já vai correr melhor.

Tu com os touros e eu com os javalis! Tudo o que nos torne mais rápidos... :)

Beijinhos e bons treinos

(E diz que o ar do Douro é bom para as Meias Maratonas, vai correr tudo bem!)

Pizza disse...

Claro q vais ser capaz!
E domingo lá vamos nós!
Estou nervosa!
Enfim :P
beijinhos

Ms Harkins disse...

não te impressiona, é o dia... hoje aqui também foi assim, um sofrimento só para correr :-)

estou pensando em ir correr essa 1/2 Douro Vinhateiro em 2013. Vou ler teu relato da prova com carinho.

Bj

Mayumi disse...

É, rapariga! Cada dia é um dia diferente! E que caminhos lindos! Lezírias é linda!
Bons treinos!

horticasa disse...

Pois é!!
Tal e qual eu naquele dia, mas tu ainda escreves, já eu fico tão danada que nem sei o que dizer...
Mas de vez em quando acontece e como diz o João Lima vais ver que no dia 20 vais ser o máximo... além disso há outra teoria, os treinos servem para isso, para nos porem em forma, assim continuas se faz favor, porque até ao dia 20 as coisas vão se recompor..
beijinho e força aí

Susana Adelino Pinto disse...

Olá Ana :) há dias assim! Mas acredito que se estivesses com companhia ou até mesmo numa prova, a motivação seria sempre outra,pois tinhas a meta para atingir. Esse sítio parece fantástico para treinar!
Beijos

Beh ♥ disse...

Acho que é normal às vezes sentirmo-nos assim mais cansadas.

Correr num ambiente desses deve ser fantástico!

Beijinho

Anónimo disse...

Amiga nem todos os dias nos sentimos motivados e fortes para treinar e principalmente sózinhos. Melhores dias virão e certamente farás uma boa meia de acordo com os teus desejos.

Bjos

Magro

Dona D disse...

Olá Ana!!!

Belo percurso esse qu escolheu para os 14 Km!!! Há dias que realmente fica muito difícil correr alguns quilômetros, no entantanto há outros que a corrida flui perfeitamente!!!

Não se preocupe! Vali correr os 20 lindamente!

Beijo!

Lénia disse...

Que maravilha de percursos Ana. Adoro terra batida, e apesar de ter alguns caminhos assim aqui perto não me atrevo a ir para lá sozinha.
Beijos e continuação de bons treinos! Já estás no bom caminho, gosto de ver!

Vera, a Loira disse...

Todos temos dias melhores e piores, tudo se reflete no nosso treino, o que comemos, quanto tempo dormimos, o exercício que temos feito e até a parte psicológica. Por isso nunca conseguimos ser lineares, pelo menos é a minha opinião, no que toca ao pedal.

Sergio disse...

Ana,
que lindo lugar para treinar! sucesso na sua preparação para a meia...
beijos do Brasil,
Sergio
corredorfeliz.blogspot.com

Rafas disse...

CLARO QUE VC VAI CONSEGUIR!
TORCENDO AQUI PARA RETOMADA DE ANIMO!
Lindo percursso de corrida!!
Beijim
Rafa

Mário Lima disse...

Ana

Sorte o touro estar do lado de lá da cerca. Se assim não fosse 14 km ainda era pouco para fugir à fera.

:)

Há dias assim. Noutro dia será!

Tudo de bom!

Carlos Lopes disse...

Atleta,
É com muito prazer que anunciamos um acontecimento muito importante: mudamos para um site muito melhor!

O novo site está mais dinâmico, pratico, continuando a logica da partilhar e informação, entre outras novidades!! E um leque de colaboradores, para servir melhor todos os leitores...

www.aminhacorrida.com