Pesquisar neste blogue

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Melhor que nada...


Hoje sinto-me bem.

Assim foi durante o dia, assim o é agora que o dia dorme há horas. Noite já, peguei no corpo pesado, equipei-me e fui de carro para o local do treino. Chovia e a temperatura mostrada no painel digital do carro marcava 7ºC. Nada de especial portanto. Estaciono debaixo de um chorão e abro a porta do carro, logo invadido por uma rajada de vento frio carregado de grossas e pesadas gotas de chuva. Estou bem equipada mas não deixo de sentir um arrepio. Não se vê ninguém na rua. Saio, alongo ligeiramente debaixo da árvore que me abriga, e dou início à corrida ao mesmo tempo que ligo o cronómetro.

A chuva parou a meio do treino e corri calmamente durante 45 minutos num percurso plano. Melhor que nada...penso.

Pensei numa amiga que está longe e que apreciaria aquela chuva como eu, correndo ao meu lado. Ou de forma ainda mais intensa talvez. Mas corro só. Os efeitos da chuva são sempre purificadores e libertadores em condições como estas que a Corrida nos proporciona.

10 comentários:

joaquim adelino disse...

Bem vinda minha amiga.
Abençoados pingos de água que deram as boas vindas a alguém que já lhes estava em dívida há muito tempo. Mas eles (pingos)pacientemente esperaram até que aparecesse.
Um beijinho

Fernando Andrade. disse...

Boaaaa!!!!
Se conseguiu correr 45' sem a "amabilidade" do tempo é porque está no caminho certo, Ana.
Olhe... já eu não posso dizer o mesmo, que vendo o tempo assim de chuva,frio e vento, nem pensei duas vezes e fiquei a ver a tomada de posse do Obama,eheheh.

luis mota disse...

Olá Ana!
Correr de noite, com frio e com chuva é mesmo para quem gosta.
Continuação de boas corridas,
Luís Mota

Anónimo disse...

Ana
claro que foi melhor que nada, diria mais, foi mesmo bem melhor...
Continuação.
Beijo,
antónio

Carlos Lopes disse...

Ola Ana.. fico feliz saber que continuas a correr, pois é algo que tu Amas. beijos

Jorge disse...

Ana que legal que vc postou a sua foto aqui, agora sei quem é a Blogueira e corredora Ana. Foi bom conversar com vc noutro dia pelo orkut.
Parabéns pelo treino e desejo continuação de boas passadas.

Bjsss

JORGE CERQUEIRA

Anónimo disse...

Como corredor, essa sua corridinha fazia-me falta. Não sei como,nem porquê, mas essa pequena coisa aliviou-me.Eu às vezes quero correr e não posso - lesão, queda,falta de tempo; outras vezes posso correr e não corro - deixa andar, correrei amanhã,talvez mais logo...Mas sempre que corro fico um pouco mais feliz, não me sinto só mesmo quando corro sozinho.Pois...os outros a correr fazem-me falta!
Um Abraço
Tó Miranda

Anónimo disse...

Segundo um excelente livro que descobri através do seu Blog,

"A balança é para o peixe, não para as pessoas"

in
Comer bem
Susie Orbach

Esqueça-se de mandar arrajar a balança

Encontramo-nos no fim da Europa

Um grande Abraço

José Carlos Jorge

ASG disse...

Boa, Ana,
Sei exactamente qual a sensação, na 2.ª feira experienciei algo semelhante, mas o que teve de melhor foi a companhia de amigos ;) Correr sozinha é muito bom, mas acompanhada consegue ainda ser melhor!

Boas corridas,
Soraia

Fabiana disse...

Ana,que frio hein?
Boas corridas!

Fabiana