Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

A minha 2ª Meia Maratona Sport Zone

A par da 1ª edição no ano passado, este domingo alinhei na partida da Meia Maratona Sport Zone que se realizou pela 2ª vez.

Corri e cheguei à meta. Se pensava que depois do tempo feito em S.João das Lampas (2h17m) a minha “carreira desportiva” só poderia melhorar, neste domingo tive a tristeza de verificar como estava enganada. Podia ainda piorar. E piorou.

Estava calor, passei ao Km 6 com 34min com um grupo que ia para 1h50m, 1h55m, e cansei-me. Cansei-me. Faltaram-me forças e forcei as pernas a avançar. Um passo de cada vez. Valeram-me as companhias esporádicas, e faltou-me o meu amigo António para controlar o andamento. Faltou-me a bebida isotónica e até a água.(*) E estava calor. Muito calor. Sobejou-me o Douro e o Sol e a paisagem que me viu desistir em Outubro no Km 30 da Maratona. Caminhei em silêncio talvez durante um minuto.

Por incrível que pareça, um pouco mais à frente reanimei. E as pernas comigo. Dois companheiros por alguns minutos. Já não me sinto tão mal. Deixo-os para trás e sigo agora sozinha para a meta. Cheguei com 2h18m. O meu pior tempo de sempre…

Será que "assim" vale mesmo a pena? Enquanto na véspera da prova respondia sem hesitação, hoje já não sei...





(*) - Km 20 onde restavam mesas vazias - Se é certo que só faltava mais 1 Km para o final onde não faltava água e bebida isotónica, não é menos certo que o último abastecimento tinha sido há 5 longos quilómetros atrás...





Antes da prova. Na zona VIP, com o famoso homem das Ultras... Dean Karnazes:

Na zona onde pertenço, com amigos:


Com o MPaiva:

Com o José Capela:

Com o meu pai: Fase de aquecimento:




Ainda em aquecimento:Agora, durante a prova, uma foto da autoria de Carlos Matos, que fez um Album interessante sobre a prova, e que pode ser visto aqui:

AindA durante a prova. Foto tirado por Zé Carlos Costa, um "companheiro" de escassos minutos que fez uma muito interessante reportagem fotográfica enquanto corria a sua 1ª Meia Maratona, e que teve a gentileza de me fotografar assim como outra companheira, em plena prova, já eu numa fase decadente, em plena Avenida Gustavo Eiffel: A dor de acabar: (desta vez custou-me mesmo muito e a expressão não me deixa mentir)


Breves minutos depois, já recomposta e talvez (só talvez...) a pensar na próxima:

Com o meu amigo Jorge Teixeira, responsável por esta gigantesta prova, e um animador da prova:


De regresso, com Aurora Cunha, Carlos Lopes e esposa:

Muito mais tenho a dizer desta prova, mas fica para amanhã

14 comentários:

MPaiva disse...

Ana,
É verdade que o tempo conseguido poderia ser melhor. No entanto isso é uma coisa que acontece a todos e pelas mais diferentes razões. No teu caso faltou-te a bebida isotónica. A mim, foi a bebida isotónica a mais...

Já agora, o animador da prova a que te referes na foto com o Jorge Teixeira é o grande "Manuel do Laço", o sócio mais carismático do Boavista FC.

Herculano Araújo disse...

Diante de uma vitória, não pare!! Diante de uma derrota, não desanime!! Nem sempre uma vitória significa a glória… Nem sempre uma derrota significa o fim..



beijocas

Anónimo disse...

Viva!

Parabéns Ana, não pelo teu tempo de prova mas pela tua força de vontade, pelo teu espírito guerreiro com que tentas sempre terminar todas as corridas em que alinhas.
O tempo que fizeste não é bom mas para quem não treina dificilmente se pode esperar muito melhor...e é o lógico. Mas vais vêr que com uns treininhos depressa começas a alcançar melhores performances.
Quanto às fotos que tens tirado, ninguém te bate...és a nº1. Fotos inesquecíveis junto das "maiores estrelas" né? Até apanhaste o Manuel do Laço do Boavista...só falta mesmo o "mancha" o tal adepto do Porto com o grande sinal na cara.
Parabéns pelo esforço que tens feito para perder peso...mas cuidado pois podes estar também a enfraquecer com a descida de cerca de 1kg/semana.
Vá Ana, treina mas cuida-te também tá?

Fernando Sousa

António Almeida disse...

Olá Ana

o que interessa é que foi sem dúvida um excelente fim-de-semana, que pelo que vejo até meteu o "homem do laço".
Excelentes fotos, todas com pessoas que eu muito admiro, incluído é claro o Capela e o M.Paiva.
Boa semana "Maria".
Bjs dos 3 (Vitória, isabel e António).

Anónimo disse...

olá Ana. parabéns por mais uma concluída. a verdade é que daqui a muitos e bons anos o tempo não vai servir para nada, nem sequer vai ser recordado. serão recordados, isso sim, mais uma meia maratona concluída, mais um desafio superado e as excelentes fotos junto de gente super, verdadeiros exemplos (e refiro-me a todos quantos aparecem em todas as fotos).
beijinho e boas corridas.
ABento - Tartaruga

Carlos Lopes disse...

Ola Ana

Nem sempre aquilo que queremos conseguimos, por uma razão ou outra, muitas vezes nada corre como queremos. Mas no positivo fizeste uma boa prova " nunca desistir", os meus parabéns.

Ricardo disse...

Olá Ana,
Será que "assim" vale mesmo a pena? E a resposta é... és tu que tens de responder, ninguém o pode fazer por ti.
O que eu acho: Deixas-te de amar a corrida? Não, então vale a pena. Como disse o Fernando Pessoa "Tudo vale a pena se a alma não é pequena".
E não é por uma prova ter corrido muito mal que vais desanimar, acontece a todos.
Boas corridas.

Fernando Andrade. disse...

Ele é o Capela,
Ele é o Teixeira
Ele é o pai dela
Sempre à sua beira.

É Lopes, Samuel,
E o Dean Karnazes…
Até o Miguel
Que é malta das bases.

E em cada esquina
Há dorsais amarelos
E a nossa menina
Junta-se aos modelos

Honrosos retratos,
Históricos momentos,
Ilustram relatos
Mais que os pensamentos.

Mas nesta Sportzone,
Segunda Edição,
Não há quem lhe “abone”
A preparação.

E ali junto ao Douro
Por entre milhares
Ela dá um “estouro”
Escondido por esgares.

E uma, dezoito
Se é marca modesta
Diz que se é afoito
E se esteve na Festa.

E o prémio maior
Ganhou neste dia:
Correu com amor,
É assim a Maria.

Valeu a pena sim senhor.
Beijinho

João Lima disse...

Olá Ana
Claro que vale a pena! Eu também já fiz 20 minutos melhor do que no Domingo, também me arrastei no final (era aquele todo de amarelo que ainda te incentivou quando nos cruzámos ias tu para o retorno debaixo da Ponte do Freixo e vinha eu de lá) e, no entanto, acabei! E no Domingo lá estou para a Vasco da Gama.
Força! É na resposta às dificuldades que damos o melhor de nós.
Até à próxima

João Lima

Anónimo disse...

Olá Ana Pereira, Antes de mais deixe-me agradecer a sua simpatia e a força transmitida durante aquele pequeno percurso que fizemos juntos durante a Meia Maratona Sportzone 2008. Estou certo que sem aqueles escassos minutos tudo teria sido bem mais difícil para mim.
Adoro praticar desporto mas nunca me senti atraído pela corrida, foram alguns amigos do Karate que me desafiaram a entrar nesta aventura de 21km, a que eu, um pouco inconscientemente, abracei de alma e coração, tendo utilizado alguns factores motivacional pessoais dos quais apenas publicito a causa – TIBETE LIVRE – Palavras escritas na minha camisola que com lágrimas de alegria e suor alaguei.
Eu demorei 2:26:24.47 a chegar à meta, acredite que mesmo que tivesse batido o recorde do mundo não estaria muito mais feliz! Talvez tivesse conseguido dar maior projecção aos meus desejos de ver o Tibete Livre, mas também acredito que nem só de grandes feitos se move o mundo. Acredito que com pequenas acções individuais conseguimos atingir grandes objectivos colectivos.
Encaro as diversas actividades desportivas que pratico, das quais destaco o Karate-Do Shotokai, fundado pelo nosso mestre Tetsuji Murakami, uma das diversas formas para atingir acréscimos na minha condição físico-psícológica e, igualmente, para criar/reforçar laços de amizade e de grupo entre as pessoas com quem tenho o prazer de cruzar e privar. Nesta corrida também consegui alcançar esses objectivos, por isso, me sinto plenamente realizado com este desafio.
Independentemente dos tempos obtidos, estou certo que é assim que a generalidade das pessoas que iniciaram este desafio se sentem.
Claro que devemos ser exigentes e para isso devemos traçar objectivo para nos pormos à prova e para darmos mais um passo neste caminho maravilhoso da vida. Contudo, esses objectivos devem ser exequíveis, devemos fazer uma contínua auto-apreciação das nossas capacidades actuais e uma reflexão sobre o que queremos atingir, depois é trabalhar, trabalhar e trabalhar com muito prazer, positividade e inter-ajuda!
Claro que para atletas de alta competição é difícil ver os seus tempos a aumentarem quase na mesma proporção dos anos que dedicam à modalidade que amam. Mas, na minha modesta opinião, devem continuar a desfrutar plenamente o amor que sentem pela modalidade, aproveitando, se possível, acontecimentos como são exemplo esta última meia maratona. Eles(as) gozam do privilégio de não terem de demonstrar o que a prova dos nove já se fartou de comprovar – eles(as) serão eternamente os melhores dos melhores. Por isso, independentemente da performance conseguida vela sempre a pena fazer o que nos põe o coração a bater de amor. Por isso, Ana Pereira fez muito bem em ter participado nesta meia maratona, participação que no seu caso foi a correr. Quanto a mim, se não conseguir participar, também a correr já no dia 26 de Outubro, estou certo que na de S. Silvestre lá estarei!
Um grande abraço,
Zé Carlos (o verdadeiro atleta 941 e repórter fotográfico tb de paixão mas sempre não oficial)

Lénia disse...

Parabéns Ana!Muitos parabéns!

Que maravilha, duas meias em duas semanas! Ganda mulher!

E que belas fotos!

Qto ao tempo, q se dane! Adorei ver as fotos e adorei q tivesses ido, mais uma vez. Só a presença já significa muito...

És a minha isnpiração! E conta lá, como foi conhecer o Dean Karnazes? Tens de entrar em pormenores, com a mulherada!

Vá, beijinhos e continua assim, q em pouco tempo, os tempos melhoram.

Beijinhos!

luis mota disse...

Olá Ana!
Participar é vencer.
Continuação de boas corridas,
Luís Mota

AnaLua disse...

ola!
vim parar ao teu blog por acaso! tb la estive mas na mini que as corridas longas nao sao o meu forte, ate aos 10km a coisa ainda vai..
bjinhos e parabens que o tempo nao foi nada mau!

Anónimo disse...

Parabéns!!!!
Sandrina