Pesquisar neste blogue

sábado, 13 de setembro de 2008

32ª Meia Maratona de S.João das Lampas

A Meia Maratona de S.João das Lampas está de saúde - muito boa saúde - e recomenda-se!


Vocês que correm já sentiram (e os que não correm que imaginem) que num dia de corrida, passaram quase literalmente o dia inteiro a correr? Antes, durante e depois da prova? Pois hoje tive um dia desses. Agora repouso por minutos no puf cor-de-laranja.

Ai, dêem-me espaço, dêem-me tempo, que asas já eu tenho e hoje voei.

Terminei há pouco a 32ª Meia Maratona de S.João das Lampas com o terrível e assustador tempo de 2h17m!

O que ganhei de valor inestimável: invisível, não se toca nem ouve ou cheira, apenas se sente, e agora tenho as palavras mas não o tempo para o traduzir por aquelas, se é que o consegurei algum dia.

Depois ganhei: um lugar no pódio, que me valeu um Troféu e 20,00 EUR. Nem discuto a legitimidade do prémio! Corri, CORRI 21,0975 metros e classifiquei-me em 5ª posição no meu escalão. Mereci-os simplesmente! Ponto final!

Ganhamos todos: t-shirt, ovos, bolos, saco, pequeno medalhão e mimo, muito mimo, quer dos membros da organização quer do público.

Eu ainda: ganhei sorrisos e beijos e abraços e amizade e amor. Ganhei um balão entrançado em forma de coroa que após ter estado na cabeça do vencedor, e ter sido oferecido à linda e simpática Vitória, ela me deu, com um sorriso lindo e tímido e um olhar puro e doce.

Ganho, proveito e balanço: entre correr continuamente durante 21097,5 metros num tempo de 2h17m (dentro do tempo limite da prova) e não ter ido, para que prato pende a balança? Eu não tenho dúvidas!

Tenho mais palavras, e fotos que os amigos me enviarão. Hoje deixo apenas os prémios visíveis e os Parabéns ao principal mentor desta festa que me proporcionou mais um pedaço de vida feliz: Fernando Andrade.

Até amanhã com outras palavras (se conseguir uma pausa nesta corrida da vida, pois o dia de amanhã não está propriamente vazio)


O medalhão alusivo à prova, para todos os que a terminaram :

O Troféu para a 5ª VF - F35:


O recheio do saco, o meu dorsal, e o prémio por classificação:

7 comentários:

luis mota disse...

Parabéns Ana!
Um justo prémio para uma grande vencedora,
Luís Mota

Carlos disse...

E o nosso "manequim" favorito lá proporcionou mais uma série de fotos que espero ver (algumas) aqui no blog. Parabéns Ana. Já não via "aquele sorriso" há algum tempo

Nuno Silva disse...

Muitos Parabéns.
Mais uma nas pernas e no currículo.
Venha a próxima.
Bons treinos,
Nuno Silva

António Almeida disse...

Ana

gostámos muito de a ver, antes e depois da prova.
O prémio claro que foi merecido (isso nem se discute).
Beijos e boa semana, se calhar sem corridas mas a correr...força Maria.

Norberto disse...

Completamente de Parabens.
Fico feliz por ti.

MPaiva disse...

Parabéns pela determinação em fazer essa "difícil" prova e pelo resultado!
Já agora, nunca te esqueças que as taças não se conquistam por acaso...
bjs

Ricardo disse...

Olá Ana,
Parabéns pela prova e pela classificação, é muito bom quando podemos e queremos correr, penso que o teu objectivo não é ganhar prémios, mas é sempre bom. Agora é correres atrás daquele tempo que sabes que podes fazer...
Bons treinos.