Pesquisar neste blogue

terça-feira, 6 de junho de 2006


3ª feira, 6 de Junho de 2006

Ser. O que somos. O que gostávamos de ser. O que parece que somos. O que queremos fazer parecer que somos. Uma infinidade de situações muitas vezes difíceis de conciliar.

Coerência é uma das características que mais admiro no Ser Humano, e por consequência, a Incoerência uma das que dificilmente suporto, logo a seguir à Falsidade e à Hipocrisia.

Tudo características dos humanos. Um sem número delas faz cada um de nós ser o que é. Ser!

“Mais vale ser que parecer” é um dos muitos provérbios que uso e abuso.

Ontem estava infeliz. Hoje estou feliz. Apetecia-me usar o verbo em inglês (To be = Ser ou Estar, como se estes dois verbos tivessem rigorosamente o mesmo significado) e exprimir-me da seguinte forma, que neste caso melhor define o estado:

Ontem fui infeliz, e hoje sou feliz. São assim os momentos, uns a chorar, outros a rir. E os momentos fazem as horas, as horas os dias, os dias as semanas, as semanas os meses, os meses os anos, os anos a vida, ou seja: os Momentos fazem a vida!

Amigos. As características e consequentes actos dos indivíduos podem torná-los ou não, nossos Amigos.

Hoje elogio aqui a minha Amiga Teresa, porque ao longo destes anos todos, com ela chorei, com ela aprendi, com ela cresci, e com ela ri. E o processo continua! Porque assim como no Amor, na Amizade não pode haver estagnação. É um constante caminhar.

Que esta longa e nem sempre harmoniosa Amizade, continue por muitos e muitos anos até sermos velhinhas e uma de nós partir ficando não só no coração da outra, mas em tanto e tanto que já marcamos uma à outra ao longo da vida. Marcas que jamais se apagarão. Uma grande parte do que eu sou hoje, devo-o à Teresa.

Ao contrário do que às vezes parece que quero fazer parecer, não estou só. Nem pouco mais ou menos! Tem destas e de outras coisas os meandros da mente humana…

15 comentários:

Manuel Pereira disse...

Bonita

Manuel pereira disse...

Paula Laneiro, acho que me estou a apaixonar por outra mas paciência. O melhor é mostrares-me também uma foto tua porque de outra maneira o nosso amor acaba.

Manecas P.

Manuel pereira disse...

Paulla Lameirinho

Ao vêr as beldades da foto até me enganei e chamei-te de Laneiro em vez de Lameirinho. O que as imagens fazem.

MP

Advogado do diabo disse...

Eduardo Santos = Paulla Lameirinho
Paula Lameirinho = Eduardo Santos

Ana Pereira disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Álvaro Barreirinhas Cunhal disse...

Olhe que não! Olhe que não!

Cunhal

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

O facto de permitir comentários neste blog, dá a liberdade a toda a gente de dizer tudo! Mas escrever e assinar com o meu nome, fazendo-se passasr por mim, como aconteceu no "post" que evidentemente apaguei, só pode ser um acto de alguém que não sabe o que é liberdade, como usar a sua, onde ela acaba e onde começa a dos outros!

Os meus comentários estão sempre identificados como este, não há forma de imitar...

Que tristeza, mais de 30 anos depois do 25 de Abril, e há ainda quem não perceba bem o que é Liberdade e como usá-la.

Divirtam-se, mas há limites!

João Gomes disse...

tinha essa ideia, não quis comentar ,mas já desconfiava

Diácono Remédios disse...

é o fim do mundoda corrida e do forum, viva o atletas net

Diacuno remedio disse...

Aparentemente há alguém que anda com um crise de identidades e que continua a escrever com o nome dos outros...
Agora até o "meu" que já era por si um plágio é também plagiado.....

enfim ...

Ana disse...

O rapaz tem o que merece

Zen disse...

Considero que as querelas regionalistas entre Norte e Sul são um absurdo! O que existe é uma desigualdade na distribuição dos recursos entre as várias regiões, estejam elas a Sul ou a Norte de Portugal
Retribuo ao teu simpático e animador comentário no meu blog.
De facto a amizade é uma relação entre "nós" e um "outro" que não pergunta aonde, porquê e como... simplesmente está ali quando mais precisamos!

É mais importante saber ouvir do que saber falar!

Felicidades para o Blog, para a família para os(e com) amigos...enfim na vida!

Fica bem!

Zen disse...

Oh Ana desculpa!

Apenas queria dizer:

Retribuo ao teu simpático e animador comentário no meu blog.
De facto a amizade é uma relação entre "nós" e um "outro" que não pergunta aonde, porquê e como... simplesmente está ali quando mais precisamos!

É mais importante saber ouvir do que saber falar!

Boa sorte no Blog, na família, nos amigos...enfim na vida!

Fica bem!

Teresa disse...

É lamentável que com tantos temas interessantes que a Ana aborda no seu blog que podem ser motivo de troca de ideias, pontos de vista, opiniões sobre a vida , amizade, natureza, corrida, e outros... se perca tempo com considereações descabidas, despropositadas, mal intencionadas, que só revelam que fugimos sempre a falar de temas interessantes para nos refugiarmos
em insultos e piadas sem sentido !!!

É pena... fico triste !!! porque a Ana merece muito mais e de certeza que o que ela esperava quando fez este blog era algo muito diferente !!
mas infelizmente a maioria das pessoas não têm capacidade e coragem para tal.. é mais fácil a vulgaridade e a má educação...

Mas Ana continua em frente porque eu e de certeza mais outros embora poucos... continuamos a admirar
o que escreves, o que sentes, como escreves e como sentes...
Tenho vaidade em ser tua amiga e sabes que podes contar sempre comigo... senão fôr aqui.. será frente a frente .. como sabes que eu gosto
- falando, olhos nos olhos sem cobardias - dos cobardes escondidos atraz dum monitor...

Bjos e Parabéns és ESPECIAL!!!

Anónimo disse...

Boa!

Estou a gostar desta Teresa.
Dá-lhes. Tomem lá que é para aprender.
P.Lameirinho...! Tás por aí amorzinho?

Beijocas
MP