Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

O Peso ...de consciência e o outro, o físico!

Não, não, não! Não me desfiz da problemática pessoal em relação ao meu peso, ao meu corpo e à comida e à forma como a uso. Era bom era! Mas não! Tem só andado meia adormecida, esta tara, fingida que esquecida. Mas não. Está tudo cá e o resultado do "deixa andar", do fingir que não ligo, que não quero saber, que estou bem, etc e tal, está à vista: 70, 1 Kg!

É hora, de novo, de tentar parar. E fazer o ponteiro da balança mudar de sentido. Tentar pelo menos, é minha obrigação. Pela minha saúde!

9 comentários:

horticasa disse...

Deixa lá pá, tás bem!
Não vale a pena sofrer, eu mesma também tenho uns 4kls a mais que antes e passiencia, é da idade, ou é musculo, não sei mas que estou maior estou...
bjs eugenia

Jacke Gense disse...

Oi Ana... essa lida com o peso é tão dificil né.. mas com força de vontade a gente consegue sim!
Estou na torcida por ti.. tbém estou nesta luta e quero perder mais 7kgs!

bjs
e vamos nesta lusta

Jacke Gense

Dona D disse...

Olá Ana!

As vezes acho que as balanças fizeram um complô contra as meninas... não é nada justo!

Temos que unir as nossas forças e quem sabe eliminarmos esses volumes rebeldes que tanto nos incomodam!

Beijinhos do Brasi!

elis disse...

oi!!!

tô nessa luta também rsssss
ás vezes a balança ganha... às vezes eu ganho (peso rssssssss) aff!!! kkkkkkkkkkkkkkk

mas não desisto!

bjs

http://elismc.blogspot.com

Lénia disse...

OI Ana,

Estamos as duas na mesma. Também estou com 70. Já passaram 6 meses desde q a Sofia nasceu e ainda não perdi peso. Sou uma gulosa e isto de passar mto tempo em casa não ajuda em nada. Só me lembro do p-almoço, dos lanches, etc... Estou contigo! Vai dando notícias sobre o teu regime a ver se eu apanho algumas dicas. Preciso de perder uns 9 kgs (ai, são tantos), para ver se corro mais depressa e as lesões não aparecem...Há que ser persistente, não é? Mas ainda agora acabei de comer uma mousse de chocolate que o marido fez...Ai, ai...
Bjo.

BALEIAS disse...

Essa luta é eterna, mas pelo que vi na foto, a sua guerra parece ser um exagero. No seu caso, se emagrecer pode ser bom, ficar chateada não tem qualquer sentido. Abraço de um Baleia. Miguel Delgado.

Jorge Branco disse...

Quando tinha a mania que era atleta pesava 49 quilos para um 1.62 de altura!
Agora devo pesar mais de 65 quilos (digo devo porque a balança avariou-se e nunca mais tive coragem de comprar outra!).
O “engraçado” é que como muito menos do que comia na altura!
Para perder peso só vejo uma solução: comer menos e correr mais!
Não tem nada que saber é “simples”!
Penso que se a Ana voltar aos treinos regulares (a regularidade é a chave de tudo) e tiver atenção ao que come, mas sem grandes sacrifícios, baixa o peso quase sem dar por isso.
Perder peso é um “trabalho” lento e de paciência!

Anónimo disse...

Olá Ana;

O teu peso para mim é uma pena!
Tu és leve como o vento, deixa és linda assim.
Tomara muitas raparigas da tua idade serem como tu. Há que ter guma coisa para gastar.
JB

Anónimo disse...

Olá, ana...não nos conhecemos...mas sei o que se passa contigo porque também acontece comigo...ao ler o teu diário até parecia que me estava a ver ao espelho...isto de ser mulher nos tempos de hoje é extremamente dificil...só pressão, stress, medo de fracassar... e quando damos por ela peso extra...ehh.. mas não era bem por causa disso que eu estava a escrever-te mas sim para te ajudar (espero)...porque também me está ajudar embora actualmente não possa juntar-me a vocês nessa perda de peso porque tenho um problema de saúde que tem de ser resolvido primeiro...uma das coisas foi ver o biggest loser... estou a referir à parte mental (por exemplo quando a jillian, a grande treinadora de todos os tempos, fala com as pessoas e põe a descoberto sentimentos e emoções e depois diz-lhes para não terem medo de fracassar porque são capazes...) ..esse programa fez-me acreditar que tudo é possível apesar de haver pessoas (médicos, nutrionistas) que digam que não.. a pouco e pouco estou a começar a acreditar mais em mim...outra coisa que podes fazer é ler o livro "aprenda a viver sem medo de josé micard teixeira" (vende na fnac)..bjj e boa sorte