Pesquisar neste blogue

domingo, 2 de maio de 2010

E o fim-de-semana passou e ela não treinou

Inexplicável, surpreendente e contrariamente a tudo o que esperava, cheguei a sábado a pesar 68 kg!

Fim-de-semana para passar. Fico contente por pesar menos do que esperava. (-2,100Kg)

Sábado:

Limpo a casa. Arrumo. Lavo e passo. Cozinho. Com um prazer inédito em coisas simples. Recebo Amigos. Não da lista que ultrapassa a centena do facebook, hi5 ou afins, embora também estes lá estejam, mas da Vida. Simplesmente AMIGOS! AMIGOS, sem necessidade de mais palavras.

O cheiro na cozinha é acolhedor, agradável, diria até afrodisíaco. Coentros, cebolas, alhos, tomates, pimentos a fervilhar no azeite quente. O fumegar do tamboril e das gambas a cozer onde malaguetas emanam um odor agradavelmente picante e quente na fervura da água. Na bancada cheira a chocolate quente e leite condensado. Picam-se as nozes, e a massa do bolo acabado de cortar ao meio perfuma docemente a cozinha. Ao lado, o cheiro do ananás maduro a escorrer sumo na tábua onde foi partido misturado com o aroma doce dos morangos vermelhos, refrescam-nos os sentidos e deliciam-nos.

O resultado foi fantástico:
Cada vez mais, gosto de cozinhar.

À noite, o serão prolonga-se pela madrugada, onde o prazer de viver a dois se reverte no prazer de receber, servir, conversar, agradar, rir, comer, beber, onde a Amizade é o mote, se reproduz e cresce.


Domingo:

Tento correr. A ideia era correr. Depois de peripécias e pequenos contratempos, acabo por sair de bicicleta. Tentativa de andar. Andei. Pedalei, pedalei, contra o vento, o desequilíbrio, e as coxas pesadas resistentes ao movimento. Pedalei afincadamente até o caminho se transformar num areal cheio de pequenas pedras soltas. Sobe. Força nas canetas. As rodas da bicicleta resvalam na areia, ponho travões, perco o controlo e vou de ventas ao chão. Primeiro a mão direita contra o chão suportando o peso todo do corpo, depois o peito, o queixo a deslizar na areia e por fim a cabeça no chão, numa trave de madeira! Entretanto a perna esquerda caia violentamente contra os pedais e quadro da bicicleta, deixando nódoas negras notáveis.

Joelho, mãos e queixo esfolado, minúsculo galo na cabeça e depressa me recomponho (?) e ainda ando mais um bocado, a cambalear contra o vento forte, bicicleta e eu. Ai, triste espectáculo... Não percorri mais que 5 Km, estou toda partida e arranhada e afinal o fim-de-semana passou a correr e eu não corri.

Mas que me diverti bastante, ai disso não duvidem! A Meia do Douro Vinhateiro daqui a 3 semanas?! É não é? Mas eu vou ou não vou?

15 comentários:

horticasa disse...

Vais sim senhora!
Que importa o peso? tu consegues correr mesmo assim.
Eu também andei atrabalhar que nem uma maluca e não treinei, mas hoje podia ter ido e fiquei no sofá toda a tarde...
Beijo eugenia

JOSÉ LOPES disse...

Olá Ana
Como nos seus textos, mistura o verdadeiro com o fictício, não sei se caiu ou não.
No entanto desejo-lhe as melhoras dos "arranhões"

Continue a treinar (mais)
Bjs
J.Lopes

JV disse...

ola maria e so para lhe dar um beijo e que tenha muita força e que treine tudo de bom e ate ha meia do douro

Francisco disse...

bom antes do douro espero reve-la no entrocamento sitio bonito e simpatico para se fazer 10 km.

Bons treinos

Francisco Torres

Francisco disse...

tenho que rever melhor o calendario os 10 km no entrocamento são depois do douro seja como for é para recuperar da meia.maratona

FT

Anónimo disse...

"Nem soh de caviar vive o homem"
e muito a proposito nem soh de corridas vive esta mulher... :)

bj
lobi

José Xavier disse...

Ana;

Com mais ou menos peso, é sempre de participar, e ter como objectivo, terminar a prova. O andamento da corrida terá de ser apropriado ao momento e à condição fisica.
Gostei dos pratos......e cuidado com as quedas de bicicleta. Bicicleta é aqui na Holanda, onde existe uma infraestrutura nos país para os ciclistas, nas estradas e na àreas de lazer.

Boas corridas. Um abraço.

José Xavier

Mité disse...

Anuska
Hoje mal tive tempo para vir aqui pois o Gonçalinho absorveu-me o dia de tal maneira que até coloquei um Hino da amor no meu blogue ( miminhos :0)

Mas amanhã vou ter lá umas coisas....

Adorei... adorei... adorei...

Tenho pena que tu no Domingos te tenhas estatelado, espero que já estejas bem . Amanhã ligo-te minha amiga!!!
Mil Jocas (adorámos, só mais esta vez ;0)

Filipe Fidalgo disse...

Olá, Ana.
É claro que vai correr na Meia do Douro, para correr não é preciso olhar ao peso ou às pernas, mas sim à fibra, e isso é coisa que não lhe falta, pois todos os campeões o têm em abundância.

Cumps,
Filipe Fidalgo

Vitor Veloso disse...

Olá Ana,
Quem sabe correr nunca se esquece, com ou sem treinos vais conseguir terminar a Meia do Vinhateiro, muita força!
Que belo resultado numa manha a cozinhar, que bom aspecto tem o bolo de chocolate, ate abre o apetite.
Boa semana
Bjs
Vitor & meninas

Mário Lima disse...

Ana

Vou-te dizer uma coisa e não leves a mal, esquece a bicicleta.

Leva com o vento de frente, de trás, de toda a forma e feitio mas corre Ana.

Tens uma preocupação sempre em crescende, olhar para a balança, vou-te dizer outra coisa e não leves de novo a mal, manda a balança às urtigas e corre Ana.

Um dia de tanto correres, olharás para o espelho, olharás para ti e não irás necessitar da balança, de bicicleta e de dietas, vais gostar do que estás a ver.

Por isso... Corre Ana!

Tudo de bom

Susana disse...

Olá Ana, fizeste-me rir rsrsrs! Bem se caiste, espero que não te tenhas magoado muito! Desejo tudo de bom!
Beijinhos

joaquim adelino disse...

Tal como a Susana também a mim me deu vontade de rir, não pelo mal que ficou mas como a forma que aconteceu, a aprender em terrenos quase proibidos, faz-me lembrar estas últimas semanas onde o meu neto anda a tentar equilibrar-se e eu tenho feito o que posso para o ajudar a dar os passos certos sem cair, mas vai caindo e ás vezes sorrindo e ainda bem, assim vai aprendendo até saber. Não desista, sempre ouvi dizer que há duas coisas que depois de aprendermos nunca se esquecem, nadar e andar de bicicleta.
Não se esqueça de treinar
Um beijinho do Pára.

Carlos Alexandre Lopes disse...

Para a próxima avisa que eu apareço ai

Álvaro disse...

Isso não se faz, Anofa!

Queres emagrecer e publicas aqui essas iguarias todas...

Vou lanchar!
Beijo,
Álvaro