Pesquisar neste blogue

domingo, 15 de julho de 2007

Raid Melides Tróia 2007


A par do ano passado estive lá hoje. Por amor. Não à camisola, mas à corrida e à fotografia que não chega bem a amor, mas raia.


Na partida, na chegada e na entrega de prémios. Em busca de rostos, corpos, olhares, expressões e emoções.


O que captei pode ser visto aqui:

http://www.pbase.com/mariasemfrionemcasa/root

É o último album que foi introduzido, pelo que está no final da página.


Espreitem, talvez gostem.


Disponibilizo fotos em tamanho original a quem as solicitar.


Foi um dia cheio, e em cheio.


Nota: ontem sábado corri 30 minutos em alcatrão, e hoje 40 minutos na areia molhada da praia de Tróia.

6 comentários:

Álvaro disse...

Excelente trabalho, Anocas!

Andei muito ocupado, mas agora tenho uma folgazita, estou a espreitar de novo o teu blog.

Adorei as fotos do trail e do Raid. Caraças! Será que ainda um dia faço um dêles? Bem, na próxima encarnação, sim, de certeza, a minha alma está aguada!...
Mas, NESTA? Bom, vamos com calma. Conto com a minha madrinha para uns treinos para a Maratona do Porto?
Beijinho
Álvaro

Lénia disse...

Oi Ana,

Bonitas fotos!
O tempo é q não esteve para fazer praia, não é?

Vamos ver se te vejo prá semana, sim?!

Beijo,
Lénia

Carlos Lopes disse...

Olá Ana
Bonitas fotos, pena não teres feito a prova. Não esquecer que vou ao porto fazer a minha 1º maratona… quero muito apoio.

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Obrigada Álvaro!

Desculpa a madrinha andar um bocado... distante.

Para o Porto? Conta comigo desde já! Essas sessões longas e lentas, como só nós e outras lesmas sabemos correr, sempre que se proporcionar (e nós vamos fazer que se proporcione!) serão feitas em conjunto.

Para mim, é sem dúvida uma grande ajuda. E acredito que para ti também!
Beijinho

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Lénia... o Raid foi um espectáculo!

Nem o céu cinzento, nem o frio ou a chua miúda conseguiram ensombrar a magia desta prova! O sol está dentro de nós e dos outros. Só temos de o deixar irradiar de nossos peitos. E garanto-te: foi um dia cheio de "Sol".

Um "trabalho" feito por Amor, à corrida. O prémio: só eu sei o que senti em cada amigo que chegava, conhecido ou até desconhecido. Rostos, olhares, gestos, palavras, esgares... emoções e muita empatia.

Foi um espectáculo Lénia. Mais de 6 horas ali embrulhada na toalha de praia com as mãos a tremer... mas se compensou? Ai sim, sem dúvida!

Ganhei muito, mas mesmo muito!

Deixei comentário no teu blog

As tuas melhoras e nada de desanimar!
Beijinho


Carlos Lopes: Claro que vais fazer a tua 1ª Maratona no dia 21 de Outubro de 2007 no Porto. Não penses que me esqueci! Já tens lugar no comboio que nos vai levar a essa meta! Sentadinho ao meu lado que é para te portares bem!

Anónimo disse...

Olá, Ana

Também queria agradecer-lhe as fotos e louvar a sua entrega à causa .
E depois...bom, depois, lá vem a música :

..Fotografar, assim, gratuitamente
É ter p’lo Raide amor e alma, enfim
E dar recordações a toda a gente...

Mas assim não se "governa", Ana .
Beijinho