Pesquisar neste blogue

domingo, 25 de setembro de 2011

Os dias sem ele


A jarra na mesa de entrada exalava já um cheiro fétido da água onde apodreciam as pétalas, as folhas e o caule das rosas agora mortas e murchas que ali jaziam desde que ele saíra. Silenciosas e inertes, vazias de vida, apenas se deixaram estar ali a morrer um pouco em cada dia que passavam sem ele.


Assim ela se deixou estar, silenciosa e inerte, vazia de vida, apenas se deixou estar ali a morrer um pouco em cada dia que passava sem ele...


.../...

Mas que raio?! Num domingo à noite quando todos vêm falar de provas e treinos longos, e convívios e patuscadas com os amigos, e se procuram classificações e bitates deste e daquele sobre esta e aquela Corrida, vem esta gaja regurgitar esta porcaria?

Ah pois! E ainda por cima, com o descaramento de assumir que é apenas porque sim, porque lhe apetece! São assim os espaços pessoais, mesmo os daqueles que dizem não o ser.

Bem...descansem os meus pequeninos, que amanhã o tema deste espaço volta ser "Hoje corri, hoje nadei, hoje corri, hoje nadei...". Bastante original e interessante como podem adivinhar.

Até porque no próximo domingo, a rapariga tem 10 Km para correr. Aí mesmo: em cima do Aqueduto das Águas Livres. É para o que lhe deu! É a Corrida da Água e ela vai lá estar! Por isso, tem mesmo de mudar o tema dos dias.


Até amanhã querido diário!

5 comentários:

alemdorio disse...

Ó pá que diabo te dá de vez em quando?
Há um ditado que vem mesmo a calhar, (ai de mim se não for eu) ou seja se queres estar animada, anima-te, se queres estar feliz, tens de ser tu a lutar por isso... E assim sucessivamente, também já sabes disso, ai de ti se não fores tu.
beijinho e força aí, eugénia

Anónimo disse...

Olá Ana,

Vamos mas é a treinar e deixa-te de tretas ok? Precisas de um empurrão ou quê? Quero-te vêr a correr nas provas a 5'/Km tá?
Quanto ao resto, à outra parte da tua vida não sei mas tu tens tudo para ser feliz...és bonita, tens uma filha também bonita, educada, responsável...e muitas outras coisas que muito boa gente bem desejava possuir. Vá lá Ana, anima-te ou está-te a faltar um pouco de "carne", ou melhor dizendo, de comer um bom bife com umas loirinhas?

Bjs do teu amigo (também um beijinho para a Eugenia)

Fernando Sousa

Leilany disse...

Ora, ora, blogs são p isso mesmo, para termos um espaço p rir, p chorar e também (porque não?) desabar a falar coisas que não falaríamos cara-a-cara. Meu blog é assim, uma semana é só corrida, outra só receitas de bolo, outra estou preguiçosa e é só copiar-colar (citando sempre a fonte). Beijocas brazucas!

Jorge Branco disse...

Gosto, entendo e sinto esses estados de alma!
Só não publico os meus porque estou noutra e é material demasiadamente pesado para o UK!
Mas a “MariAna” sabe que tenho um blogue onde as vezes passam alguns desses sentires de alma (embora as vezes me esqueça que tenho esse blogue).
Qualquer dia meto lá alguma coisa “imporia”.

Uma coisa que sempre me cativou no seu blogue (ainda nem eu sabia bem o que era um blogue) foi esse seu despir de alma em público com desassombro e sem pudor! Gosto desse seu jeito de ser, dessa sua frontalidade nua e crua.

Curioso é que textos com o que publicou têm muito menos comentários, parece-me que as pessoas ficam sem saber o que falar.
É muito mais simples falar de provas e andamentos!
Mas voltemos para a corrida! Lá estarei na Corrida da Agua para meter muita da dita como é meu costume. Não é tipo de prova que eu goste mas o Aqueduto (onde nunca passei) obriga-me a estar presente!

elis disse...

é que o tema de nossos dias são assim, como essas rosas... um dia viçosos e perfumados... outros, de jogar fora rssssss

bjs