Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

A importância da Vírgula

" Já que tu não corres, nada!"

E porque ainda sente o pé lesionado e não corre, ela hoje nadou cerca de 50 minutos.

E se não existisse vírgula, teríamos de convocar mais palavras para dar continuidade e sentido à frase, e porque o tempo parece sempre pouco, ela fica imensamente grata à Vírgula.

7 comentários:

Ms Harkins disse...

Gostei muito do teu post, a vírgula realmente faz a diferença!!
Abç

Anónimo disse...

Ana,

Apenas para te desejar a continuação de melhoras do teu pé.
Qualquer dia "passas-te" e passas para a natação né...Treina com cabeça...na água ou fora dela.
Um beijinho grande para a minha querida amiga virgulazinha.

Fernando Sousa

horticasa disse...

A virgula???
E o pé ainda dói??
As melhoras.
bj eugénia

Leilany disse...

No meu caso, a frase só seria verdadeira sem a vírgula!

Pedro Ferreira disse...

O pé não dói, nada!

bluewater68 disse...

:) Gostei. Eu fui ontem matar saudades daquilo e soube mesmo bem. Mesmo assim, o Agosto causa sempre mossa no que respeita à quebra do ritmos que se conseguia ter no final de Julho. As melhoras do pé e boas braçadas

Ingrid disse...

Muito bom mesmo!!!
Sempre tão exata, és uma grande caixa de surpresas.
Sucesso na recuperação do pé.
Bjão!!!!
Ingrid