Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Por um momento...

Feriado, 8 de Dezembro de 2011

Aspira, limpa, lava, esfrega, enfeita, decora, a casa está limpa e arrumada.

Quase preparada para o Natal que aí vem, a correr. A correr mais que ela, diga-se de passagem, que ela não tem corrido nada. E cansada, ainda que sem ter corrido, senta-se no sofá ao fim do dia, usufrui do ambiente acolhedor diante do calor da lareira acesa, admira com satisfação a casa fruto do seu próprio trabalho, e por um momento...

As casas não são nada sem os que amamos e sem aqueles que realmente nos querem bem...


O que vale é que depois de amanhã é já fim de semana e com ele mais tempo para o que mais gostamos e para quem mais amamos.

Até amanhã querido diário

8 comentários:

Anónimo disse...

Boas Ana!

Que bela lareira...e estás tu triste por não treinar? Pelo que escreveste parece-me é que estás em grande forma. Talvez não para a corrida...mas que fazes muita ginástica está provado...e sempre vais perdendo umas boas calorias.
És uma mulher de armas...e de "vassoura" também.
Bons treinos em casa ou na estrada.

Bjs.
Fernando Sousa

Jorge Branco disse...

O Natal vem ai? E ninguém me avisou! Não se faz!

elis disse...

casa e coração cheios de amor! isso é o que há de melhor...

este ano, como estou de mudança, acabei por não decorar a casa com os enfeites natalinos... mas sinto o espírito de Natal iluminar meu olhar, e aquecer meu coração!

hoje, depois de uma semana muito atribulada com preparativos de mudança, finalmente consegui sair pra correr... e foi tão bom que me arrependi muitíssimo de não ter dado um jeito de ter ido correr nos outros dias...

muita energia boa pra você, Ana!
e muitos sorrisos genuínos em seu caminho;)

beijão!

horticasa disse...

Que linda sala e bela lareira.
bj eugénia

Leilany disse...

Você escreve tão bem, que agora me senti sentada aí, em frente a sua lareira, conversando com você e disputando qual das duas corre mais (é lógico que você ganha de lavada!). Beijos brasileiros!

S* disse...

As casas são quem nelas habita. :)

Alberto Gião disse...

"A casa está limpa e arrumada...", escreveu a Maria.
Não está, digo eu!
Alguém conhece uma casa que esteja limpa? Só mesmo durante um instante, que é mais pequeno que o nanosegundo...
Ainda não se inventaram casas fáceis de limpar, e, o que é muito mais difícil, capazes de se manterem limpas.
Como é possível que, com tanta tecnologia de ponta à nossa disposição, não se trate de suavizar o trabalho doméstico, em geral, e as limpezas, em particular?
Vamos aproveitar as corridas mais longas para pensar nisso?

Saúde, Maria (Ana)!

Alberto Gião disse...

"A casa está limpa e arrumada...", escreveu a Maria.
Não está, digo eu!
Alguém conhece uma casa que esteja limpa? Só mesmo durante um instante, que é mais pequeno que o nanosegundo...
Ainda não se inventaram casas fáceis de limpar, e, o que é muito mais difícil, capazes de se manterem limpas.
Como é possível que, com tanta tecnologia de ponta à nossa disposição, não se trate de suavizar o trabalho doméstico, em geral, e as limpezas, em particular?
Vamos aproveitar as corridas mais longas para pensar nisso?

Saúde, Maria (Ana)!