Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 2 de julho de 2009

Falta


- Acho que já não voltarei mais a escrever no blogue como escrevia… - diz ela nitidamente triste.
- Então porquê? – indaga ele .
- Porque desde que te conheço nunca mais estive sozinha – responde ela, agora com um sorriso, ainda que triste mas iluminado pelo olhar.

Triste porque escrever lhe faz falta. Falta. Falta de estar consigo mesma. Falta… Falta das palavras e de brincar com elas, servir-se delas usando-as e deitá-las a repousar sobre folha branca de papel, e falta dele também.

Ah pois claro, temos é de nos felicitar pelo que temos e não lamentarmo-nos pelo que nos falta! Ai pois claro! Pois claro! Pois claro mesmo!

O blogue é que continua assim… de poucas palavras, como ela às vezes. Há que ter paciência. Melhores dias virão. Em que o tempo dará tempo, e no tempo ela poderá ainda voltar a escrever como dantes na porcaria de um blogue que tem.

4 comentários:

JOSÉ LOPES disse...

Será da angústia de final de época
Sem corridas o que fazer?


Bjs
J.Lopes

Cris Folgar disse...

Aproveite que não esta mais só para redescobrir o prazer de não ser só...Viva intensamente cada momento!

Abs

Carlos Lopes disse...

Falta? falta começares a correr como corrias, participar em provas como participavas... falta isso

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Obrigada a

José Lopes: final de época? acho que a minha época não tem final... Um dia destes ainda volto em força

Cris Folgar: é isso mesmo. Não se pode deixar passar a vida. Um beijinho

Carlos Lopes: agora foste engraçado, fizeste-me sorrir. Pois falta isso mesmo meu amigo, mas não será por muito tempo.

Ana Pereira