Pesquisar neste blogue

domingo, 12 de outubro de 2008

Transporte para Maratona do Porto


Domingo passado corri pela última vez pelos AFIS, em Ovar.
Esta semana, duas situações diferentes mas similares:

1)
- Então companheira, sempre vai aceitar o meu convite para nos representar esta época?
- Não, não me parece. Deixei os AFIS sim, mas acho que não me quero vincular a ninguém. Obrigada…
- A minha amiga é que sabe. Como deixei claro desde o 1º convite, só pretendia que nos representasse nas provas onde estivéssemos de harmonia. As únicas provas que peço sempre aos atletas para tentarem dentro das suas possibilidade estarem presentes é as integradas no troféu de atletismo do Seixal todas as outras o atleta têm opção de escolha
- Eu percebo, mas ainda assim não. Agradeço, mas não, obrigada.
- Tudo bem, se mudar de ideias e nalguma prova nos quiser representar terei todo o gosto em tê-la integrada na nossa equipa.

2)
- Podias ir pela equipa. Posso fazer as inscrições, corrias pela equipa…
- Não, obrigada, mas não…. - Bem, já sabes, estás à vontade. Dormida podemos arranjar-te, mesmo que não corras por nós, estás à vontade.
- Arranjavam-me dormida? Isso pode ser decisivo para fazer a diferença entre o ir e o não ir… humm… isto está a tornar-se interessante… (risos)
- Sim, mas se quiseres, podes correr por nós.
- Não obrigada. – um nó na garganta, assuntos mal resolvidos nos quais não quero remexer.


Diz assim a canção dos Tribalistas, e eu hoje como nunca, tenho-a na cabeça e canto-a baixinho sorrindo:

“Eu sou de todo mundo... E todo mundo me quer bem. Eu sou de ninguém. Eu sou de todo mundo e todo mundo é meu também."

A próxima:
26 de Outubro 2008 – prova de 14 Km integrada na MARATONA DO PORTO

Relembro os atletas Lisboetas e dos arredores que a organização da MARATONA tem ainda alguns lugares disponíveis para transporte ida e volta para o Porto, quer para Maratonistas, quer para qualquer participante em prova associada à Maratona ou mesmo apenas acompanhantes, pelo custo de EUR 10,00, ida e volta.

Contactos: Ana Pereira, Telef: 964 937 456, mail: anamariasemfrionemcasa@gmail.com

Até lá: a vida rodopia e vai correndo sobre rodas (literalmente). Com mais ou menos velocidade, com paragens, quedas e recomeços, sozinhos ou acompanhados, sonhos e desilusões, clareza e distorção, mas sempre a rodar. De sapatilhas para correr, é que desde Ovar... não se tem ouvido falar...



11 de Outubro 2008 -XXV Seixalíadas 2008 - Patinagem Artística, onde o Clube do Pessoal da Siderurgia Nacional alcançou um honroso 1º lugar em esquemas de grupo, com o o esquema "Estátuas"

5 comentários:

ana paula pinto disse...

Olá Ana

Gostei de estar na Seixalíada da Patinagem. Parabéns à pequenota!

Do que eu vi, foi um espectáculo muito bonito.


Beijinhos

Que tal

MPaiva disse...

Já parece o mercado de transferências! A uma grande atleta nunca lhe faltam "pretendentes"!
bjs

Anónimo disse...

Olá Ana,

Bem, parece-me que está a começar a gostar mais de outras coisas do que das corridas...mas não me digas que vais começar a correr de patins? Para te dizer a verdade eu também vou pensar nisso pois para ganhar aos meus adversários só assim.

Beijinhos e treina mas sem patins.

Fernando Sousa

Ricardo disse...

Olá Ana,
Quanto mais corres mais vontade tens de correr.
Acerca do "mercado de transferencias", eu acho que no fundo é bom pertencermos a algum grupo, nem que seja pela motivação que a "obrigação" de ir às provas nos dá para treinar, mas acima de tudo é bom pela camaradagem que sempre existe no meio.
Boas corridas e BONS TREINOS.

Joaquim Adelino disse...

Olá Maria
Aqui de Santa Iria fico a imaginar o que levará uma nobre activista da corrida a isolar-se de tudo o que a motivou, sim porque só os grupos de amigos onde estamos integrados nos dá a motivação extra de continuarmos este desafio aliciante que é a busca constante de novos amigos. Tenho a certeza que dentro em pouco mudará de opinião, e até lá mantenha-se em forma e conte sempre com a amisade dos seus amigos.