Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 22 de abril de 2013

mais Confidências

 "Quem confessa os seus erros é mais sábio hoje do que ontem."

          Alexander Pope  (1688 / 1744)

Gosto especialmente da fase em se desenrola o processo de emagrecimento. 

Julgo até que inconscientemente me deixo engordar propositadamente para depois...emagrecer tudo outra vez!

Dá-me um prazer descomunal essa fase de desintoxicação, de sensação de limpeza do corpo associada sem dúvida à da alma também. Do gostinho que me dá dar pequenos passos e sentir conquistas no dia a dia. Autênticas vitórias saborosas como só quem sofre de distúrbios do comportamento alimentar pode compreender.

Sair vitoriosa de uma batalha que se provoca. Engrandecida e orgulhosa como se houvesse razão para isso quando emagreço 10 ou 12 Kg.  A dificuldade a que me atrevo mesmo a chamar de incapacidade de manter um peso "normal" deita por terra todo o falso heroísmo conquistado no processo de emagracimento.

Desleixo nos treinos, abusos à mesa e fora da mesa e dou comigo de novo nos 67,2 kg. Admiravelmente nojenta a forma como engordo. Admiravelmente notável a forma como emagreço. 

Hoje corri. 9 Km em 52m17s, média de 5:47 

Estou inscrita na 36ª Corrida da Liberdade, prova de aproximadamente 11 km, a realizar na próxima 5ª feira 25 de Abril, precisamente para assinalar e comemorar a data e o seu significado. Inscrição gratuita pelo que a minha inscrição foi pacífica. 

Depois, Domingo 28 de Abril, tenho a Meia Maratona de Almada, onde quero correr, mas sabemos que a preparação é insuficiente (para não variar). Ainda assim, vou! Sem medo, mas cautelosa. Vai ser um "treino" longo. Longo e algo doloroso, já sei, mas quero corrê-la, recordar e matar saudades da minha Margem Sul, e depois cansada mas feliz, chegar ao fim.










7 comentários:

Sandra disse...

Vamos a isso, Ana! Eu também tenho de amndar abaixo 6 kilitos. Devemos estar com a mesma sensação angustiante de peso a mais, que tanto custa e dificulta as nossas amadas corridinhas, e a obtenção das nossas almejadas, ainda que modestas marcas pessoais... não é? Já fiz o meu palno de treino para a maratona (tirei da RunnersWorld, como já é meu hábito) e 6 meses hão-de ser mais que suficientes para me Põr na ordem e preparar para o ansiado evento. Vamos falando uma com a outra, para nos animarmos! Beijinhos

Fernando disse...

Isso é que é coragem, boas corridas, felicidades

Isa disse...

Força Ana!
Talvez nos vejamos no 25 de Abril ou em Almada, também vou a ambas.
Beijinhos

Jose Xavier disse...

Olá Ana,

Também nós vamos estar em Almada. Vamos ver se finalmente nos encontramos.

Um beijinho
dos Xavieres

Ana Rita disse...

Para mim a frase mais marcante deste texto é "sair vitoriosa de uma batalha que se provoca" e penso que o sinto da mesma forma por sofrer também de um distúrbio alimentar mas felizmente também adorar correr.

Este blog motiva-me, parabéns por conseguires ser genuína e que tudo CORRA bem! =)

Anónimo disse...

Olá Ana,

Vais vêr que com umas aceleradelas o teu peso diminui. Faz algumas arrancadas rápidas de cerca de 30 segundos nos teus treinos e após uns 30 minutos de aquecimento em ritmo de 6'30. Com as provas que vais fazer nestes dias próximos, é quase impossível não perderes o peso.
Quanto às palavras sábias de Pope, bem que se poderiam enviar aos nossos políticos...pois só vêem números em lugar de pessoas e fazem asneiras todos os dias.

Bons treinos e bjs.
Fernando Sousa

Jorge Branco disse...

Eu não tenho balança, felizmente!