Pesquisar neste blogue

domingo, 6 de abril de 2014

Conselhos

Muitas vezes somos muito bons a dar conselhos aos outros, conselhos esses que temos uma dificuldade tremenda em aplicar na prática em nós próprios.

Por isso, quando vendo o meu peixe incentivando alguém que está a começar a correr, que pode/deve alternar a Corrida com a caminhada nos seus treinos, que deve ser paciente, persistente e regular nos seus treinos, não se deixando desanimar por não estar a correr como se desejava, que devemos manter o foco, etc e tal, que mais dia menos dia verá melhorias e resultados, estou longe de conseguir aplicar esses magníficos conselhos a mim mesma.

Por isso, tu ouve-me rapariga:

Não podes querer correr 12 km seguidos,de forma contínua e confortável, como se tivesses 10 kg a menos e estivesses mininamente em forma para o fazer, como era o teu caso em Dezembro do ano passado! Simplesmente não podes! Porque se o esperares, só vai acontecer uma coisa: desilusão e desânimo. Tens de te contextualizar no presente! Nas condições e circunstâncias actuais! As tuas!

Por isso, o facto de, ao invês de milhentas coisas que poderias fazer/não fazer, o facto de teres saído para correr e teres percorrido os tais 12 km da sequinte forma:

5 km - a correr, 32 min.
0,5 Km - a andar
1 km - a correr; 6:21
0,5 Km - a andar
1 km - a correr; 6:21
0,5 Km - a andar
2 km - a correr; 12:39
1 km - a andar

foi espectacularmente BOM! Para ti... HOJE!

E é este o estado da rapariga hoje e amanhã é outro dia.


9 comentários:

Jorge Branco disse...

Foi mesmo bom!
Eu também já fui um corredor que chegou a valer 3:10:27 na maratona mas isso foi no século passado e agora há um novo (velho) Jorge Branco e correr a 6 ao km para mim já é supersónico! Tenho (temos) de viver no presente e criar as nossa metas hoje e nunca viver em função do passado!
Beijinhos "Pikena".

Elisabete Ribeiro disse...

Não é muito fácil correr com a cabeça quando se quer correr com o coração. Um ótimo conselho mesmo; adaptar o treino à condição física atual. A base para progredir.

Carlos Cardoso disse...

Ó Ana...segue os conselhos da Maria :)
Beijinhos e uma boa semana

Horticasa hoticasa disse...

Estás no bom caminho, continua hoje...
Os conselhos se fossem bons não se davam, vendiam-se, beijinho

S* disse...

Ufa, ufa, sua conquistadora!

RUN BABY RUN disse...

Baby steps. Já ouviste falar?
Beijinhos

Anónimo disse...

Olá Maria
depende do que estás a focar, se é uma ultra até estás no bom caminho, acho eu que nas minhas sempre caminho muito tal como nos treinos para elas.
Beijinhos.

Lilith disse...

Olá Maria!
Sou como tu, uma impaciente e quero logo tudo :D
tenho a certeza que recuperas os kms que já fizeste em menos de nada e eu quero vir aqui inspirar-me para fazer o mesmo!
beijinhos :)

Corro, logo Existo disse...

A paciência é uma virtude e o tempo trás os resultados.

É preciso ter perseverança que a forma física recupera-se.

Eu que corria de forma não regular estou para aqui à beira de bater a barreira psicológica dos 21 kms, rumo à Maratona. Talvez esta Páscoa traga novidades.

FORÇA, que mais dia menos dia, provavelmente mais cedo do que esperas terás aí a bater à porta a SRA. Forma Física, e tenho a certeza que no final do ano estarás de novo atrás da tua paixão: A MARATONA.

Continuação de bons treinos,

Fernando Varela